Mostra homenageia "Rainha da Sofrência"

Autor:
Redação

Seção:
Exposições

Publicado em:
9 de Novembro de 2021

Tempo de leitura:
2 minutos

Mostra homenageia "Rainha da Sofrência"

Por: Redação

A Associação dos Cartunistas do Brasil (ACB) se uniu ao portal Festanejo para homenagear a cantora Marília Mendonça com a exposição on-line “Marília Maravilha”. A mostra de caricaturas e artes de cartunistas de todo o Brasil está disponível desde o dia 8 de novembro na internet. A cantora morreu dia 5 de novembro aos 26 anos em um acidente de avião na zona rural de Piedade de Caratinga (309 km a leste de Belo Horizonte, em Minas Gerais).

“Marília Mendonça já havia virado caricatura em nossa exposição do ano passado sobre a música sertaneja. Mas logo que os cartunistas souberam da triste notícia começaram a publicar em suas redes sociais caricaturas e cartuns sobre a maior cantora da sofrência e do empoderamento das mulheres. Então, aqui fica essa singela homenagem nos traços dos cartunistas brasileiros”
Jal, presidente da Associação dos Cartunistas do Brasil.

Marília Mendonça, uma das principais cantoras do sertanejo atual, ficou conhecida nacionalmente como a “rainha da sofrência”, gênero musical que fala sobre as decepções afetivas ou ciúmes exagerados de um amor não é correspondido. Nascida em Cristianópolis e criada em Goiânia, com 12 anos de idade a artista começou a compor e passou a ser gravada por artistas de renome. É autora de sucessos como “Cuida Bem Dela” (Henrique & Juliano), “Muito Gelo, Pouco Whisky” (Wesley Safadão) e “Calma” (Jorge &; Mateus). Começou a carreira como cantora em 2014 com o lançamento do primeiro EP (Extended play, formato de gravação entre o single e o LP - long play) e alcançou o sucesso em 2016 com o álbum “Marília Mendonça: Ao Vivo”. No acidente também faleceram o produtor Henrique Ribeiro, o assessor Abicieli Silveira Dias Filho - tio da cantora, o piloto e o co-piloto do avião.